O que é Distorção Harmônica (THD)?

É uma componente senoidal da tensão ou corrente alternada. Quando infiltradas no sistema elétrico, causam diversos episódios que afetam o abastecimento de energia, tanto na qualidade quanto na atividade da concessionária e consumidor final. As distorções são geradas pelos próprios aparelhos no instante do chaveamento, quando se aperta o botão “liga/desliga”. No momento do acionamento de motores inversores, capacitores ou iluminação, acontece uma corrente de curto-circuito numa intermissão de milésimos de segundos, isso faz com que todo o sistema seja afetado pelo sinal criado naquele instante, pois altera tensão, corrente e adultera a frequência. Estas alterações se multiplicam por todo o circuito elétrico, até chegar a uma impedância baixa, capaz de absorver o sinal e restaurar a linha de 60hz.

O que é Fator de Potência?

O fator de potência é uma correspondência entre potência ativa e potência reativa. É a diferença entre o consumo aparente, que é medido em VA e o consumo real, medido em medido em watts. o fator de potência indica a eficácia com a qual a energia está sendo utilizada. Um alto fator de potência demonstra alta eficiência e um fator de potência baixo indica que há baixa eficiência. Se o fator de potência estiver baixo, significa que você não está aproveitando completamente a energia.

Posso substituir minhas lâmpadas convencionais por lâmpadas LED, utilizando a mesma luminária?

Sim. As lâmpadas de LED possuem as mesmas dimensões das convencionais (eletrônicas, fluorescentes, incandescentes). Basta trocar a sua lâmpada antiga por uma nova no seu spot, abajur ou bocal. A única diferença fica por conta das lâmpadas tubulares, pois elas podem sim utilizar as mesmas luminárias ou calhas, mas não necessitam de reatores, pois são ligadas diretamente a corrente elétrica

As lâmpadas LED podem ser dimerizadas?

Sim. As lâmpadas LED podem ser dimerizadas, a maioria das empresas dispõem as instruções na embalagem, porém é sempre bom consultar um técnico.

Qual a vantagem de usar iluminação com LED?

Custo!! Lâmpadas de LED economizam até 80% de energia e duram até 50 mil horas. Sem contar a qualidade de iluminação que você estará adquirindo.

O que é LED?

O LED é um elemento eletrônico semicondutor, um diodo emissor de luz, disso vem o seu nome “Light emitter diode – LED”. Essa tecnologia é a mesma utilizada em chips dos computadores e tem a propriedade de transformar energia elétrica em luz. Tal transformação é diferente da encontrada nas lâmpadas convencionais que utilizam filamentos metálicos, radiação ultravioleta e descarga de gases, den¬tre outras. No LED, a transformação de energia elétrica em luz é feita na matéria, sendo por isso, chamada de Estado sólido (Solid State). A luz emitida é fria, pois não há presença de infravermelho no feixe luminoso.

O que é Índice de Reprodução de Cor (IRC)?

O IRC aponta o grau de fidelidade que as cores serão reproduzidas. O índice de reprodução da cor segue uma escala que varia de 0 a 100, baseada na luz solar. Quanto mais próximo de 100 for o IRC, maior será a fidelidade de cor. Ou seja, você nunca mais vai compra um móvel porque amou a cor e chegar em casa e se decepcionar, porque na sua sala ele ficou com outra cor. Isso acontece porque o que enxergamos é reflexo da luz que ilumina a matéria e luz é constituída pelas sete cores do arco-íris e os pigmentos encontrados nos objetos têm a capacidade de absorver determinadas cores e refletir outras A luz é composta pelas sete cores do arco-íris e os pigmentos contidos nos objetos têm a capacidade de adotar determinadas cores e refletir outras. Por isso que a qualidade do IRC utilizado, influencia tanto na decoração. Para residências indicamos IRC acima de 80.

O que é temperatura de cor?

Temperatura de cor, nada tem a ver com o calor emitido pela lâmpada. Quando falamos em temperatura de cor, falamos ao tipo de iluminação que ela nos fornece. Medimos a temperatura de cor em graus kelvin (k), em residências ela varia de 2700k a 5000k, sendo que quanto mais alta, mais fria e clara a cor da lâmpada. As lâmpadas de tom amarelado, ou seja, de temperatura de cor mais baixa, são geralmente usadas em quartos e áreas sociais, por despertarem a sensação de aconchego. Enquanto as lâmpadas de tom mais frio são indicadas para ambientes onde se exija mais atenção, como cozinhas, áreas de serviço e escritórios.